top of page

Musculação na melhora da qualidade de vida dos idosos

Sabe-se que com a diminuição da força, maiores serão as limitações para as atividades da vida diária de um idoso.

A musculação é de grande importância para a vida desse idoso, pois através dela produzimos inúmeros benefícios, tais como: aumento da massa muscular, ganho de força, aumento da potência, aumento da densidade óssea que subsequentemente minimiza a osteoporose, melhora do equilíbrio, sendo assim, atua diminuindo os principais fatores de risco para uma futura fratura de óssea. Benefícios que irão ajudar a transpor limitações causados pela idade e sedentarismo, proporcionando ao idoso a independência funcional e a melhora na qualidade de vida.

A pratica da “musculação” se tornou muito utilizada com diferentes objetivos, utilizada para; preparação física, halterofilismo, culturistas, estética, terapêutica e preventiva. Permitindo assim que o treinamento seja adaptado a condição física do praticante.

Através da musculação podemos preparar fisicamente cada indivíduo, independente dos seus objetivos. Nosso organismo é favorável a passar por diversas modificações através do treinamento, porem todas as modificações levam certo padrão de tempo, esse estimulo irá iniciar a adaptação do corpo, mas somente por aplicação repetida do estimulo (programa de treinamento) acontecerá mudanças em células, tecidos ou sistemas específicos.

Eventualmente os benefícios trazidos pelo treinamento com pesos é o aumento da força, fator muito importante para atletas com a melhora do seu desempenho, como das pessoas em suas atividades diárias.

Para entendermos melhor a importância da força muscular na vida das pessoas o idoso é o modelo ideal, o idoso perde sua aptidão física geral, consequentemente massa muscular e força por ser um sedentário de longa data.

Sabe-se que a força diminuída traz grandes limitações para as atividades da vida diária, a fraqueza dos músculos pode evoluir de certa forma que o idoso não pode realizar atividades comuns da vida diária, uma tarefa doméstica, levantar-se de uma cadeira, varrer o chão ou jogar o lixo fora.

Um grande problema da nossa sociedade é que cada vez mais aumentamos a longevidade porem sem ensinar as pessoas a conservarem a pratica da independência.

Se a inatividade física está relacionada com o envelhecimento, a manutenção de uma atividade física ao decorrer da velhice pode prevenir ou retardar esse processo.

A musculação é de grande importância na vida dos idosos, pois através dela podemos proporcionar um aumento da massa muscular, com isso o aumento da força muscular, que irá evitar quedas, preserva capacidades funcionais e a independência do idoso, assim entregando ao idoso uma melhor qualidade de vida.


Referencias: (Fleck e Kraemer 1997, apud Guedes, 2008), KENNETH H. Cooper S/D (apud CAMPOS, 2000), (FLECK; KRAEMER, 1999), (VAISBERG; MELLO, 2010)

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


blog zone.png

Em nosso blog você vai encontar conteúdos interessantes sobre atividade física, saúde e bem estar!

Post´s

Tags

Nenhum tag.
bottom of page